Termômetro do Varejo

Vitrine de loja é imã para clientes


Atrair novos clientes é uma das principais premissas para o sucesso no comércio. Para quem atua no ramo, uma estratégia é o planejamento adequado da vitrine de loja . Para que ela incentive os consumidores a visitarem o estabelecimento, é preciso sair do comum: nessa hora, quanto mais criativa for a composição do espaço, mais eficiente ele será. 

Não subestime o poder de um estímulo visual, pois ele pode ser decisivo para fazer o cliente entrar na sua loja – ou seja, fundamental para iniciar o processo de conversão de um lead, funcionando como um convite. Por isso, o ideal é chamar a atenção com algo diferente. 

Dicas para uma vitrine de loja criativa 

Quando você for montar a vitrine de loja, abuse da criatividade. Dessa forma, as informações visuais inovadoras e exclusivas chamarão a atenção do consumidor que passa em frente ao estabelecimento. Confira quatro dicas. 

1. Uso de objetos: Para criar uma vitrine de loja inovadora, uma alternativa é utilizar objetos diferentes e inusitados. Nesse momento, vale soltar a imaginação. Que tal usar uma escada como um cabideiro de roupas ou incluir objetos suspensos ?  

Inclua recursos interessantes que se relacionam ao tema que você quer criar para a vitrine. Faça um mix de elementos: desenhos, fotografias e objetos podem complementar o cenário, por exemplo.

2. Datas especiais: As datas comemorativas e a chegada de novas estações são boas oportunidades para você exercer a criatividade e montar uma vitrine atrativa para os consumidores. Aproveite esses períodos do ano e inclua na vitrine elementos de decoração que remetam à ocasião. No dia dos namorados, por exemplo, é comum que as lojas coloquem corações nas vitrines. Utilize esse tipo de recurso para criar um cenário temático e chamar a atenção de quem passa em frente à loja.

3. Cuidado com a poluição visual: Estipule quais produtos serão exibidos para elaborar uma vitrine de destaque. Eles devem ser itens chaves capazes de chamar a atenção e atrair os consumidores para dentro do estabelecimento. Nessa hora, é importante lembrar que o excesso de produtos na vitrine pode criar poluição visual, que faz com que o consumidor se sinta confuso e não compreenda a mensagem que você quer transmitir. Portanto, não exponha os itens aleatoriamente, mesmo que o objetivo seja elaborar um espaço criativo.

4. Texturas: Texturas diferentes podem ser o principal atrativo na montagem de uma vitrine, pois elas são parte importante do cenário pretendido. Você pode utilizar superfícies brilhantes, lisas ou rugosas, por exemplo. Isso contribuirá para chamar a atenção de consumidor e ainda elaborar um cenário particular.

Com essas dicas em mente, é hora de começar a pensar na vitrine de loja que você quer montar. Utilize a criatividade e disponha diferentes elementos nesse espaço, mas cuidando para não deixá-lo visualmente poluído.

Fonte: Portal Varejista


Leila Longo Romão

Graduada em Administração, com pós-graduação em Marketing e Vendas. Iniciou sua vida profissional como bancária do antigo Bamerindus, também atuou como professora e desde 1991 é empresária do ramo de confecções, na área industrial e lojista. Foi presidente da CDL Caçador durante quatro anos e atualmente é presidente distrital da FCDL/SC. A coluna Termômetro do Varejo traz análises de pesquisas do setor, além de orientação para os empresários lojistas, comerciantes e comerciários em geral.

leilaromao@conection.com.br