Lebon Régis

Diocese agradece empenho na Ação Social

Mais de 12 mil atendimentos foram ofertados gratuitamente durante evento de sábado

A Diocese de Caçador através do bispo Dom Severino Clasen e o padre Márcio Martins, da Ação Social do Contestado, avaliam Ação Social, coordenada pelo Sistema FIESC em Lebon Régis. Conforme dados da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina - Regional Centro-Norte, mais de 12,7 mil atendimentos em serviços gratuitos foram realizados nas áreas de saúde, educação e cidadania.

O evento é resultado de uma parceria da FIESC com a Ação Social do Contestado e a prefeitura de Lebon Régis e a UNIARP. “A Ação Social foi um sucesso, com mais de 200 voluntários prestando mais de 50 serviços à população; o que mostra que realmente é possível fazer o bem quando se unem forças. E nós da Ação Social do Contestado, queremos potencializar essas forças para ajudar aqueles que mais precisam em nossa região”, destaca o padre Márcio Martins, da coordenação da Ação Social do Contestado.

A comunidade que prestigiou o mutirão de solidariedade e cidadania teve acesso às informações sobre higiene pessoal, dicas de alimentação e orientações sobre planejamento financeiro familiar. Ainda na oportunidade foram divulgados cursos de qualificação do SENAI, como confeitaria e assentador cerâmico, entre outros.

Na oportunidade foram feitos testes de glicemia e avaliação odontológica, através das unidades móveis do SESI, junto ao repasse de informações sobre alimentação saudável, entre outros serviços. Além dos cuidados com os adultos, as crianças puderam se divertir com a contação de história, cama elástica, pintura facial entre outras atividades recreativas.

“Soube que foi um sucesso a programação em Lebon Régis, prova de que é possível firmarmos parcerias sérias como está com a FIESC, isso nos fortalece e nos dá ânimo, é dessa maneira que colocamos fundamentos da cultura da paz e o amor, por isso essas ações são de grande cunho social de conquistas e alegrias, que Deus abençoe essas parcerias e que possamos vislumbrar um mundo melhor através de ações como essa que aconteceu em Lebon Régis”, elucida o bispo diocesano.




Comentários (0)


Deixe seu comentário