Acidente Castelhano

Jovem inicia tratamento na esperança de voltar a andar

Karyn Izabela, que ficou paraplégica, precisa arrecadar dinheiro para o tratamento

O dia 19 de fevereiro de 2015 ficou marcado por um acidente trágico em Caçador. Na SC 350, exatamente sobre a ponte do rio Castelhano, um caminhão colidiu em um ônibus que transportava universitários. Os dois motoristas morreram na hora, e uma acadêmica de 21 anos faleceu dias depois no hospital. Além das vítimas fatais, a colisão também deixou sequelas graves na estudante Karyn Izabela Granemann Balardin.

Moradora de Santa Cecília, Karyn ficou paraplégica no acidente. Dependendo de uma cadeira de rodas para se locomover, a jovem mantém esperanças de voltar a andar. Confiante, ela está com uma campanha para arrecadar dinheiro para o tratamento médico.

No Facebook, Karyn cricou a campanha “Anda logo Karyn”, No perfil, a jovem afirma que o tratamento custa R$ 15 mil por mês. A primeira sessão já está agendada, e a família espera contar com a ajuda para custear as despesas. A duração é de sete a dez meses, dependendo da reação ao tratamento. Posterior a isso, a ideia é dar sequência e reunir um valor para ir à China ou à Tailândia aplicar células tronco.

Para ajudar Karyn em seu tratamento deposite qualquer quantia na conta:

Banco do Brasil
Agência 2572-0
Conta poupança 24853-3
Karyn Izabela Granemann Balardin

Para acompanhar a campanha e o tratamento, acesse:  https://www.facebook.com/andalogokaryn/

“Então hoje meu pedido é da ajuda de vocês, em quem tiver tempo e algum amigo ou conhecido que possam ajudar com qualquer doação que seja!!! Nos reuniremos sábado a tarde para contabilizar o total arrecadado para está primeira sessão!!
Obrigada desde já, e que Deus abençoe a cada um de vcs!!
Bjos, Karyn (maio/2017)”.

O acidente

O acidente do dia 19 de fevereiro de 2015 ocorreu por volta das 18h40, exatamente em cima da ponte do rio Castelhano, há cerca de 12 quilõmetros do centro de Caçador. Um caminhão com placas de Vila Velha (ES) carregado de tomate, colidiu de frente com um ônibus escolar de Santa Cecília. Chovia bastante no momento do acidente.

Meses depois, a polícia confirmou que o motorista do caminhão estava sob efeito de drogas.

O motorista do ônibus, funcionário da Prefeitura de Santa Cecília, Alzerino Leffer Ortiz, de 58 anos, e o motorista do caminhão, Danilo de Souza Kubis, de 24 anos, morreram na hora.

A acadêmica do curso de Farmácia da Uniarp, Fernanda Letícia Caetano da Luz, 20 anos, morreu dias depois no hospital.



Comentários (3)

Ivete

17/05/2017 13:13

Vai sim voltar a andar, creia e verás. DEUS lhe abençoará.

cidadão.

17/05/2017 11:56

Vamos Ajudar :)

Anjo

17/05/2017 06:58

Fé em Jesus Cristo q vai dar certo estou torcendo por vc.

Deixe seu comentário