Visita

Madre Superiora da época da inauguração fala da evolução do Maicé

Maria dos Anjos recorda o início do hospital e diz que houve grande progresso

O Maicé recebeu nesta semana a visita da religiosa Maria dos Anjos Martins, que na época em que o Hospital foi inaugurado atuava como madre superiora na Congregação Santos Anjos, mantenedora da instituição de saúde. Ela, que reside atualmente na França, teve a oportunidade de ver a evolução no Maicé nesses quase 40 anos de história.

Ela recordou que o terreno onde a edificação está situada foi recebido por doação em 1976. “Com muita coragem e dificuldades demos andamento ao projeto e em 1979 inauguramos o Hospital. Lutamos muito nesse período para mantermos em funcionamento. Hoje visitei todo o hospital e vi muitas reformas e muitos projetos que estão sendo feitos por pessoas que se interessam pelo progresso deste lugar. Percebo que o Maicé está tomando um novo caminho e há um trabalho em conjunto para se que alcancem os objetivos”, destacou.

Para ela, esse é um sinal de progresso. “Se os projetos estivessem parados, o Hospital estaria parado. Há um entusiasmo crescente para fazer do Maicé um lugar  que leve maior bem aos nossos irmãos, um lugar que ajude ainda mais as pessoas”, enalteceu.

A religiosa citou ainda a participação da comunidade neste processo. “Sozinhas não conseguimos fazer tudo. É preciso o envolvimento da comunidade, que todos colaborem de uma maneira ou outra e temos visto isto. Percebo que todos os funcionários estão entusiasmado para que o hospital cresça e a população vem abraçando esta causa. Só tenho a agradecer a todo povo de Caçador, que ama o hospital, assim como eu. Peço que continuem e rezo para que sejam abençoados”, completou.




Comentários (0)


Deixe seu comentário