Cultura

Academia Caçadorense de Música realiza 5ª Reunião Anual neste sábado

A noite será repleta de emoções: haverá apresentações musicais e homenagens

A Academia Caçadorense de Música (ACM) convida a comunidade para participar, neste sábado, 10, da 5ª Reunião Anual Aberta. O evento tem entrada gratuita e será realizado no salão nobre da Casa da Cultura, a partir das 20h.

A noite será repleta de emoções: haverá apresentações musicais e homenagens a pessoas que contribuíram e contribuem para a história da música em Caçador. O evento é destinado a todas as idades.

A Reunião Anual Aberta conta com apoio da Associação dos Amigos da Música (Amimu) e da Culturarte Produções.

Posse e homenagens

Na reunião de sábado, tomarão posse três novos acadêmicos para ocupar cadeiras vacantes: Ulises Alejandro Mora Vega; Sara Haymussi e Kelvin Durek. Além disso, serão homenageados os seus patronos:

- Armando de Paris (in memoriam), violinista, lecionou violino e tocou em diversos eventos, dentre casamentos, aniversários e solenidades;

- Vairene Maria Vicentin Anjos (in memoriam), pianista, professora e formadora de muitos alunos em Caçador; e

- Pedro Rodrigues (in memoriam), regente e fundador do coral infantil da Nossa Senhora Rainha.

A Rede Barriga Verde de Rádios, atual mantenedora das rádios Caçanjurê AM, 92 FM e Transamérica Pop Caçador, além de outras da região, receberá a Comenda Musical de 2018, por seu importante papel de difusão e apoio à música atualmente e nos anos de sua existência.

Receberá Menção Honrosa como Destaque de 2018 o Coral da Amimu, destacando-se os coralistas: Iria Maria Pagno Alves, Suely Spader, Odair Nunes Cavalheiro e Shirley Almeida Cavalheiro, membros fundadores e atuantes desde 2007.

Sobre a ACM

A Academia Caçadorense de Música trabalha pela cultura musical de Caçador. Ela faz pesquisas históricas e cataloga nomes de músicos e professores de música que fizeram feitos dignos de honra pela música da cidade, imortalizando seus nomes nos registros e homenagens que faz.

A Academia é honorífica, incentivadora da discussão e do estudo do conhecimento musical, promovendo o crescimento cultural nessa área.

Com o apoio da Associação dos Amigos da Música (Amimu), os primeiros acadêmicos foram empossados no dia 11 de novembro de 2014. A Academia tinha sido proposta pelo Maestro Patrick Cavalheiro, mais de um ano antes.

Desde então, são 25 cadeiras para acadêmicos que se reúnem mensalmente para trabalhar pela nossa música e, no final do ano, abrem sua reunião para



Comentários (0)


Deixe seu comentário