Lebon Régis

Polícia conta com ajuda da comunidade para elucidar homicídio

Um jovem foi morto e outras duas pessoas foram baleadas no bairro Núcleo Rio Doce

A Divisão de Investigação Criminal (DIC), da Polícia Civil de Caçador, continua investigando o assassinato de Luís Henrique Souza Santos, de 21 anos, ocorrido no início da noite de domingo, 10, no bairro Núcleo Rio Doce, em Lebon Régis. A polícia conta com ajuda da população para elucidar o caso.

Outras duas pessoas também foram baleadas e sobreviveram, sendo uma mulher de 51 anos e um jovem de 19 anos, os quais foram socorridos por populares e encaminhados ao hospital. As vítimas passam bem.

Segundo o delegado Fernando Guzzi, coordenador da DIC, a vítima Luís Henrique foi alvejada por vários disparos de arma de fogo. O primeiro passo da investigação é identificar o calibre das armas utilizadas pelos criminosos.

A polícia já apurou que os autores são quatro homens, que chegaram em um veículo ainda não identificado. Eles estavam encapuzados.

Sobre os rumos na comunidade de que o assassinato teria envolvimento com facções criminosos, o delegado não confirma. “Houve apenas alguns comentários de populares, nada de concreto. A Polícia Civil não confirma”, disse.

O local do crime foi isolado pela Polícia Militar e periciado pelo Instituto Geral de Perícias (IGP). Agentes da DIC de Caçador estiveram presentes na cena do crime coletando as primeiras informações.

“A investigação é ininterrupta desde então. Contamos com informações anônimas da população, pelo Disque 181 ou WhatsApp (49) 99197-0010. O sigilo é absoluto e é garantido por lei”, finaliza Guzzi.

Leia mais --> Jovem de 21 anos é morto a tiros em Lebon Régis



Comentários (0)


Deixe seu comentário