Segurança

Polícia Civil deflagra operação e prende três pessoas em Santa Cecília

O objetivo foi reprimir principalmente crimes patrimoniais, como roubos e furtos

A Polícia Civil realizou na manhã desta quinta-feira (4) uma operação no município de Santa Cecília, onde foram presas três pessoas. A ação contou com 23 policiais civis de Santa Cecília, Caçador e Lebon Régis.

Segundo a polícia, o principal objetivo da operação foi reprimir crimes contra o patrimônio, como furtos e roubos, além de outros delitos que estão sob investigação da polícia.

Ao todo, foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva e quatro de busca e apreensão. Uma pessoa também foi autuada em flagrante por posse de munições.

Além das prisões efetuadas a Polícia Civil efetuou outras apreensões, como de um simulacro de arma de fogo, luvas, miguelitos, capas de colete, e outros objetos que se suspeita terem origem ilícita, os quais irão subsidiar as investigações em andamento na Delegacia de Polícia.

Suspeito de estupro

Dentre os mandados cumpridos, os policiais efetuaram a prisão de M. J. O. S., de 40 anos, suspeito do cometimento dos crimes de estupro e cárcere privado.

Na última segunda feira, compareceu na Delegacia de Polícia uma mulher alegando que estaria sendo mantida dentro de casa sob pressão psicológica e ameaças do companheiro, o qual teria lhe obrigado também a manter relações sexuais contra a vontade dela.

Diante do histórico criminal do suspeito e da gravidade das informações, o Delegado de Polícia representou pela decretação da prisão preventiva do investigado, cuja ordem foi deferida pelo Poder Judiciário da Comarca, após manifestação favorável do Ministério Público.

O investigado foi preso no interior de sua residência, onde os policias apreenderam objetos que visam apurar a veracidade das imputações, e negou as acusações feitas na denúncia.

 

Furto Qualificado

Outro mandado de prisão preventiva cumprido é decorrente de investigação pelo crime de furto qualificado. Foi preso R. R. H., 24 anos, o qual já possui diversos registros criminais e é reincidente em crimes contra o patrimônio.

O investigado foi reconhecido como autor de um furto de um aparelho televisor, quando arrombou a porta da casa da vítima e levou o aparelho consigo, e agora responderá ao processo preso preventivamente.

Em seu interrogatório o suspeito manifestou seu interesse em permanecer em silêncio e não se manifestou sobre os fatos investigados.

 

Posse de Munições

No mês de Março de 2019 foi lavrado um boletim de ocorrência na Delegacia de Santa Cecília informando que um sujeito teria intimidado a vítima com ameaças e efetuado disparos de arma de fogo em frente à sua casa.

Diante de tais informações o Delegado de Polícia representou pela expedição de mandado de busca e apreensão na residência do investigado. Após manifestação positiva do Ministério Público o Juiz de direito expediu o mandado que foi cumprido também nesta manhã.

Na residência do investigado J. C. R., 40 anos, os policiais encontraram um coldre com 06 munições de revólver calibre .38 SPL, o que culminou na prisão em flagrante pela posse ilegal dos artefatos.



Comentários (0)


Deixe seu comentário