Protesto

Caçadorenses farão atos contra a Reforma da Previdência e cortes na Educação

Estima-se que cerca de 100 professores vão aderir à greve nesta quarta-feira

Caçadorenses também vão aderir à Greve Nacional da Educação, que acontece nesta quarta-feira, 15, em todo o país. O objetivo do movimento é protestar contra a Reforma da Previdência e contra os cortes no orçamento da Educação anunciados pelo Governo Federal.

Segundo Ilone Moriggi, vice-coordenadora estadual do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte/SC), estima-se que cerca de 100 professores vão paralisar as atividades no município durante o dia.

Também acontece em Caçador um seminário na Câmara Municipal, a partir das 9h, com o tema "Reforma da Previdência e os impactos para os trabalhadores". O evento é aberto ao público.

"Os cortes de recursos na Educação vão afetar os institutos federais e logo também irão prejudicar as escolas estaduais. Convidamos o público em geral para participar e se informar. Depois, pretendemos fazer uma caminhada no Centro da cidade, mas isso ainda não está definido", convida Ilone.

A realização do seminário e da greve é intersindical.



Comentários (0)


Deixe seu comentário