Trânsito

Mudanças no Largo Santelmo visam melhorar o fluxo de veículos

As mudanças foram propostas pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano

Mudanças de trânsito, no Largo Santelmo, visam melhorar o fluxo de veículos, para os motoristas que saírem da ponte Antonio Bortolon (ponte coberta). 

Por conta disso, na saída da ponte, já haverá duas pistas, com opções para quem segue à direita, para a rua Altamiro Guimarães e a rua do Colégio Bom Jesus ou, à esquerda, para os motoristas que vão para a rua São Francisco de Assis, no sentido restaurante das Bochas. 

Uma nova travessia de pedestres, mais segura e com acessibilidade, será implantada. Com isso, as vagas para motos, que existiam ali, serão transferidas mais à frente. 

As mudanças, que foram propostas pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (IPPUC), passam a valer a partir dos próximos dias. “Alertamos para os motoristas para que fiquem atentos a estas mudanças, mas que são para melhorar o fluxo ali e os engarrafamentos em horários de pico”, destacou engenheiro Guilherme Baú. 

Outra mudança é de que os motoristas que vem pela São Francisco de Assis e seguem para a rua na frente do ginásio das Bochas, terão que parar, porque a preferencial é de quem sai da ponte coberta. 

Para se ter uma ideia, a relação de carros/habitantes de Caçador e maior do que da cidade de São Paulo. Na capital paulista, há 0,61 carro/habitante e, em Caçador, esta relação chega a 0,67. “Atualmente, temos mais de 50 mil veículos em nossa cidade, com ruas e um trânsito que pouco sofreu alterações por diversos anos. Por isso, há gargalos que precisam ser resolvidos. Toda mudança causa impactos, mas que, aos poucos, os motoristas certamente irão se adaptar”, finalizou Guilherme.



Comentários (2)

Cidadão

26/06/2019 00:02

Acho q as autoridades ja ten aue pensar em sinaleiro para pedestre,tem q iniciar no começo da parte alta da avenida barão do rio branco, pq é um desrespeito do pedestre com os carros, tem q fazer isso antes q aconteça um acidente grave ali.

Mão piluda

25/06/2019 19:44

Se é pra melhorar vamos nessa

Deixe seu comentário