Emprego

Em maio, Caçador registrou 903 contratações e 854 demissões formais

É o segundo mês consecutivo com saldo positivo (+49), segundo dados do Caged

O mês de maio foi novamente positivo para geração de empregos em Caçador. No período, foram registradas 903 contratações e 854 demissões, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quinta-feira, 27. É o segundo mês consecutivo com saldo positivo (+49).


Alimentador de linha de produção foi o setor com mais contratações

De acordo com os dados, 60 pessoas foram contratadas em seu primeiro emprego em maio, 832 foram reempregadas e 11 firmaram contrato de trabalho por prazo determinado.

Também no período foram registrados 340 desligamentos a pedido do funcionário, 121 por término de contrato, 353 dispensas sem justa causa e 16 com justa causa, e 8 desligamentos em decorrência de morte.

O setor que mais empregou em maio foi de alimentador de linha de produção com 224 contratações. Em seguida, aparece auxiliar de escritório (47), vendedor de comércio varejista (38), faxineiro (37) e motorista de caminhão (34).

Somente neste ano, Caçador registrou a marca de 5.142 contratações, até maio.

Empregos em Caçador

Janeiro 2019 (490)

Contratações: 1.386

Demissões: 896

Fevereiro 2019 (-13)

Contratações: 999

Demissões: 1.012

Março 2019 (-108)

Contratações: 883

Demissões: 991

Abril 2019 (28)

Contratações: 896

Demissões: 868

Maio 2019 (49)

Contratações: 903

Demissões: 854



Comentários (0)


Deixe seu comentário